Juntas de estanqueidade

Termoplásticos

Extrusão de TPE

A utilização do TPE (elastómero termoplástico) vem sendo cada vez mais frequente para juntas dinâmicas, de estanquidade e de envidraçado, pelas suas excelentes características sobre tudo de elasticidade e recuperação, sendo altamente resistente aos raios UVA, salitre, ozônio e poluição ambiental.











Coextrusão de TPE

Consiste em extrudir simultaneamente Polipropileno e TPE. Desenho adequado para conseguir uma combinação de propriedades específica para cada propósito.

A coextrusão de PP e TPE de distintas durezas é um processo continuado que resulta num semielaborado fabricado a partir de ambos materiais, mas para conseguir a sua associação, cada um deles deve de plastificar-se numa extrusora diferente. Normalmente a união dos materiais realiza-se através de um distribuidor de fluxos, o qual contém as entradas de cada extrusora para formar a configuração e percentagens de material, e à sua saída a conexão ao cabeçote para a linha fornecer a forma final do produto a fabricar.


Os nossos desenhos em coextrusão de TPE focam-se principalmente em juntas com deslizamento, como são as juntas para corrediças e batentes.

 

Triextrusão de termoplásticos

A triextrusão é um processo continuado que resulta num semielaborado fabricado a partir de vários materiais, mas para conseguir a sua associação, cada um deles deve de plastificar-se numa extrusora diferente.

Normalmente a união dos materiais realiza-se através de um distribuidor de fluxos, o qual contém as entradas de cada extrusora para formar a configuração e percentagens de material, e à sua saída a conexão ao cabeçote para a linha fornecer a forma final do produto a fabricar. As instalações de triextrusão são basicamente iguais às de extrusão, exceto em que apresentam várias extrusoras independentes para cada componente do semielaborado e o cabeçote tem um distribuidor individual para cada componente, de modo que pouco antes de sair expelidos do molde, convergem os diferentes fluxos na linha e ficam fundidos num só.

Com esta técnica podemos abranger praticamente qualquer setor industrial.


Principais vantagens da triextrusão:  
Combinação de propriedades específicas: consegue-se otimizar as características depolímeros mais custosos,, minimizando a quantidade 


total necessária para cumprir um propósito específico caso o compararmos com um filme monocamada onde os componentes encontram-se misturados.

A triextrusão com um polímero de alta resistência pode possibilitar a obtenção de espessuras extremamente pequenas, e ao mesmo tempo prolongar ou melhorar as propriedades fundamentais.

Aplicações:
Juntas dinâmicas em sistemas deslizantes/corrediças. A combinação de TPE com diferentes polímeros rígidos auto lubrificados permite-nos agrupar numa mesma junta um bom comportamento dinâmico e de estanqueidade (TPE) e uma fricção muito baixa com as superfícies de contacto da junta. Para sistema de corrediça também são aplicáveis aditivos que diminuem a fricção com o perfil.

Juntas com revestimento removível, utilizadas em sistemas de fechamento de madeira em que, após aplicação da pintura sobre a armação, procede-se à extração da superfície removível da junta para mostra-la sem restos de pintura .


 
   


Polígono Industrial Picusa - La Matanza 15900 - Padrón. A Coruña (Spain) T: (+34) 981 817 036 F: (+34) 981 817 037
CREATIVIDAD :: AACCENTIA MULTIMEDIA :: REALIZACIÓN